sexta-feira, 9 de abril de 2010

Estado de fauna

Haviam 46 macacos naquela arvore mas somente um foi capaz pular para a arvore mais perto. Não era uma bananeira mas uma jaboticabeira carregada. Ele olhou pro resto da macacada faminta sem entender porque eles não pulavam tambem praquele paraiso de jaboticabas.
Foi aí que ele viu

15 comentários:

  1. muitas outras árvores semelhantes à essa. Macaco inteligente, não teve dúvidas:- era mesmo o paraíso. A bananeira uma sombra,apenas.Mas para pular não bastava somente agilidade e fome

    Era preciso...

    ResponderExcluir
  2. sagacidade! Ele, como macaco experiente que era, observou que seu instinto sempre falava mais alto, e que sim, tinha realmente escolhido a melhor árvore! Olhou ao redor e viu que seus companheiros também começavam a saltar aqui e acolá, no entanto ....

    ResponderExcluir
  3. o seu instinto de autopreservação o fazia olhar o todo em redor, entre as muitas folhas e galhos, os olhos rapidos erravam daqui pra ali a procurar algo que pudesse merecer um sinal de alerta para o resto do bando.

    ResponderExcluir
  4. De galho em galho empoleirou-se no último.Feito um rei.O rei das jabuticabas.Dali seu olhar esperto percebia todo o movimento da macacada.
    Um verdadeiro banquete aquelas neguinhas brilhantes e cheirosas presas nos galhos.Desconfiado da fartura aguçou o faro,mordeu uma fruta,engoliu outra e cuspiu uma terceira .De olho na bananeira...

    ResponderExcluir
  5. não muito longe dali, imaginou-se o rei da banana tambem, logo após ter terminado com as jaboticabas, certamente.

    Foi quando reparou que as onças em baixo haviam ido procurar outro almoço que não macaco ao sugo e pensou, é uma boa hora para pular a bananeira. Mas quiz o destino que os outros macacos tivessem a mesma idéia e em um tumulto indescritível, migraram para a bananeira em frações de segundos.

    O macaco muito puto da vida pensou então:

    ResponderExcluir
  6. lançou-se em direção a bananeira como um raio, disposto a disputar o seu naco de bananas com

    ResponderExcluir
  7. a macacada em alvoroço. Foi uma gritaria danada. Uns pulavam em direção dos cachos de banana mais baixos e ficavam ali pendurados para grande desespero de nosso heroi.

    Com dor no coração o macaco resolveu voltar para suas jaboticabas. Preferia ser o rei das jaboticabas do que o plebeu das bananas. Então viu que as onças haviam voltado... e a bananeira era baixa, não tinha o monte de galhos que provia proteção como a jaboticabeira. Com um enorme dó ele ficou ali vendo seus colegas serem puxados para as presas das onças. Não havia nada que pudesse fazer a não ser atirar jaboticabas nos olhos das onças. Elas não estavam gostando muito disso e rugiam enfezadas para ele. Derrepente, de cima da montanha surgiu imponente seu velho amigo King, King Kong o maior macaco do pedaço. As onças arregalaram os olhos ao verem tamanho macacão. E ele disse:
    - Calma macacada, vou dar um jeito nos gatinhos e...

    ResponderExcluir
  8. foi aquele "auê" :- as onças correram,os macacos gritavam ainda mais numa mistura de alívio e alegria. Derrepente o silêncio tomou conta de tudo,e,do fundo da mata surgia o som melódico do azulão e o sol como testemunha. Os olhares do nosso herói pousaram lentamente sobre...

    ResponderExcluir
  9. a copa das arvores. De onde estava podia avistar um horizonte longinquo, o céu azul com nuvens brancas, as folhas brilhando ao sol e o silêncio relativo de uma breve paz.

    ResponderExcluir
  10. Bahhhhhhhh... Perdí mais uma. rsrs...

    Direto do Rio.
    Beijão.

    ResponderExcluir
  11. ah é, ... quando a gente resolve acabar com um texto, deviamos edita-lo e posta-lo! Então Su?
    bjs

    ResponderExcluir
  12. Hum, desculpe-me Sergio "senti" que "pedia" um fim (de tão bonito o escrito do Renato) ,e, tb vc quem iria editá-lo.

    mas tudubem :o) vamuqvamu
    bjus

    ResponderExcluir